Como escolher a melhor cadeira home office

Ao trabalhar em casa, você deve estar sentido uma série de necessidades de adequação do seu ambiente. Você precisa ter no escritório de casa o mesmo conforto que teria em um escritório comum; boa iluminação, altura da mesa adequada, apoio para os pés, descanso para punho e teclado e, em especial, de uma boa cadeira home office, afinal, a produtividade está totalmente ligada a cadeira utilizada.

Porém, antes de escolher a cadeira home office, você precisa ter definido dois pontos fundamentais: quanto tempo e qual é a finalidade de uso dessa cadeira.

Muitas vezes é difícil escolher devido a grande quantidade de opções disponíveis no mercado. Alguns modelos possuem design diferenciado mas não atendem as normas de ergonomia necessárias. Se você está buscando uma boa cadeira para home office, leia este post até o final e saiba como fazer a melhor escolha!

O que considerar ao escolher a cadeira home office ideal

Para escolher, deve-se considerar ergonomia, desempenho e estabilidade. Também deve-se considerar a adaptação e seu uso.

Ergonomia

O termo ergonomia deriva da união dos termos gregos ergon” (trabalho) e “nomos” (normas). A palavra representa um conjunto de procedimentos que cuidam da saúde do profissional, dentro ou fora da empresa. Está associada ao inicialmente ao trabalho mas pode ser aplicada em casa, escola, veiculo, home office ou qualquer outro ambiente.

Uma boa cadeira home office deve reunir as características abaixo:

– A postura deve ser confortável, próxima ao natural da coluna, que pode ser proporcionado pelo encosto ajustável e/ou apoio de lombar;

– Assento com ajuste de altura para atender a necessidade de estatura do usuário e a função dele exercida, para que seus pés fiquem apoiados por completo no chão;

– A densidade da espuma ideal deve ser entre 45 e 55 kg/m3, além de borda frontal arredondada e conformação da superfície do assento pouco acentuada;

– Base giratória, com no mínimo cinco pontos de apoio com rodízios ou não.

As cadeiras para escritório devem seguir as normas estabelecidas na NR-17 e ABNT NBR 13962.

Encosto

Outro ponto de destaque importante para observar no momento da escolha da cadeira home office é o seu encosto. Ele deve ser amplo e proporcionar o ajuste de altura. Condições importantes para o apoio adequado para a lombar e dorsal.

É importante que se encaixe perfeitamente nas costas protegendo a coluna e mantendo uma boa postura, preservando assim a condição física do usuário e proporcionando uma melhor performance, considerando 8 horas de trabalho.

Os encostos podem ser tapeçados, plásticos ou em tela.

Encosto de cabeça

Antes visto como item de luxo em uma cadeira, hoje é símbolo de ergonomia. Não é um item obrigatório, mas é um grande diferencial para oferecer apoio e sustentação da cervical, cabeça e pescoço. Normalmente, são inseridos nos modelos diretor e executivos, possuem ajuste de altura e podem alinhar o pescoço em diferentes posições.

Braços ajustáveis

Ao escolher a cadeira home office, opte por escolher cadeiras com braços ajustáveis. Eles oferecem conforto durante a jornada de trabalho pois facilitam a utilização do mouse e teclado. A posição incorreta dos punhos é a que mais gera lesões por conta do esforço repetitivo. O ideal é que os antebraços fiquem apoiados e formem um ângulo de 90º com o braço, para não deixar os punhos tensos, ou seja, na mesma altura do teclado e mouse.

Mecanismo

É o mecanismo o principal responsável pelos ajustes da cadeira na posição ideal, para manter a posição correta e a produtividade durante o dia. São os principais:

Freelax: Este mecanismo possibilita a reclinação de encosto e assento como monobloco, com travamento apenas 90º e atua como contato permanente quando destravado. Possui manípulo de ajuste de tensão para se adequar ao biotipo usuário.

Syncron auto ajustável: Este mecanismo oferece mais ergonomia e está presente na maioria das cadeiras Sittz. Utilizado para montagem de cadeira diretor e presidente, possui alavanca do lado direito para regulagem de altura do assento e alavanca do lado esquerdo para liberação da inclinação do encosto e reclinação do assento de forma sincronizada em proporção 2:1 (para cada dois graus que o encosto inclina, o assento reclina um grau), com 04 pontos de parada. Possui ajuste automático de tensão das molas, para movimento de reclinação, com sistema de reconhecimento automático do peso do usuário. Possui sistema anti-impacto.

Evolution: Mecanismo Operacional com ajuste de altura do assento por meio da 1ª alavanca posicionada ao lado direito. A 2ª alavanca articula o encosto para ajuste de inclinação com livre flutuação (sem a necessidade de ficar segurando a alavanca). Ajuste da altura do encosto por meio de cremalheira, com diversos pontos de regulagem.

Excêntrico: Utilizado para montagem de cadeira diretor e presidente conceito concha. Possui alavanca do lado direito para regulagem de altura do assento e alavanca do lado esquerdo para liberação da reclinação de encosto e assento como monobloco, com 04 pontos de parada. Possui ponto de articulação deslocado em relação ao eixo de rotação da poltrona favorecendo à estabilidade e conforto do produto. Possui sistema anti impacto que proporciona mais segurança e estabilidade e manípulo na parte frontal para ajuste da tensão do encosto.  

Revestimento

A escolha do revestimento é algo bem pessoal. O olhar do arquiteto deve ser levado em consideração mas deve também combinar com o projeto como um todo e aliar estética e funcionalidade e conforto.

Ao escolher, procure as informações de higienização do revestimento escolhido. Isso ajuda a manter a cadeira como nova por mais tempo.

Escolha revestimentos de fácil assepsia

Escolha as opções que trazem mais conforto e que sejam de fácil higienização. Por exemplo: o revestimento sintético é mais fácil de higienizar, por isso seu uso pode ser indicado em hospitais. Já o poliéster permite perspiração e seu uso é indicado em setores como o telemarketing/teleatendimento. 

Cores

A escolha de cores corretas para os ambientes determinam o estilo da decoração e também podem determinar a nossa sensação nesse determinado cômodo. Isso ocorre pois as cores ativam as regiões do cérebro ligadas às sensações, influenciando como nos sentimos em determinado espaço.

É fundamental ter isso em mente antes das escolhas das cores do seu home office. Procure escolher cores que estimulem a concentração, produtividade e também o bem-estar.

As cores podem ser aplicadas não somente nas paredes, mas também em outros pontos da decoração como mobiliário, portas, janelas, tapetes, objetos e eletrodomésticos. Opte por cores neutras com tonalidades pastéis. Os azuis e verdes trazem calma e tranquilidade ao seu espaço. Já cores mais quentes trazem mais acolhimento e senso de produtividade. Você também pode optar por usar uma cor neutra (como tons de cinza) e uma cor contrastante como amarelo, laranja ou roxo em detalhes do ambiente, trazendo um ar de modernidade e arrojo na decoração.

Ao montar seu ambiente, você pode deixar seu móvel com seu estilo. Isso vale também para a sua cadeira home office

E então, gostou das dicas? Esperamos que sim! Agora que você já sabe como escolher a cadeira ideal para seu Home Office, conheça as opções que a Sittz oferece e procure um representante próximo de você. 






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *